Energy Report de Março está disponível

Publicação – 01.04.2019

Neste editorial falamos sobre a importância da adoção dos preços horários no Brasil e dos significantes benefícios que podem trazer para o nosso setor elétrico.

Na seção regulatória deste mês comentamos as diretrizes do leilão de energia nova A-4 de 2019 e a Consulta Pública 04/2018, sobre as alternativas para um cálculo mais robusto da TUST.

Na seção de Recursos Hídricos e Meio Ambiente comentamos sobre como preservar o meio ambiente com restrições orçamentárias, evidenciando como deve ser feito o planejamento da exploração do território de forma a harmonizar as atividades econômicas com os objetivos da conservação.

Na seção internacional analisamos as causas do cancelamento do primeiro leilão de energia direcionado para as renováveis da Colombia, e fazemos um comparativo com o leilão de lastro colombiano, que já teve uma edição em 2019 e terminou bem-sucedido, inclusive contratando projetos renováveis.

Esta edição também apresenta o balanço atualizado de demanda e oferta estrutural de energia para os próximos anos, incluindo nosso tradicional atrasômetro.

Para mais informações, acesse Energy Report.